Faça sua busca pelo site

Parques

Parque das Dunas Jornalista Luiz Maria Alves
Criado em 1977, o Parque das Dunas é uma área localizada na região leste do município de Natal, com área de 1.172 hectares. É a primeira Unidade de Conservação Ambiental implantada no Estado e o segundo maior parque urbano do Brasil. O Parque apresenta formações vegetais de Mata Atlântica, possuindo mais de 270 espécies de árvores, como o pau-brasil, pau-d'arco roxo, peroba, sucupira, além de bromélias e orquídeas. Na sua área, existem animais silvestres como o timbu, gato-maracajá, raposa, sagüi, nambu, gavião peneira, rasga mortalha, jibóia, cobracoral, entre outros; e, ainda, uma grande quantidade de insetos, um dos grupos mais ricos da fauna ali presentes. O Parque das Dunas é uma área de preservação ambiental de fundamental importância na conservação de espécies em extinção e local de proteção aos lençóis freáticos e da qualidade da água existente em Natal. Sua relevância é reconhecida internacionalmente. Em 1994, o Parque foi considerado pela UNESCO como parte da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica Brasileira, e em 1999, foi reconhecido pelo Conselho Nacional da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, como posto avançado da Mata Atlântica Brasileira. O Parque possui um setor de uso público, o Bosque dos Namorados, podendo receber semanalmente visitantes, onde são oferecidas atividades para todas as faixas etárias, como trilhas, caminhadas, ginástica, áreas para piqueniques, exposições de temática ambiental, entre outras. Avenida Alexandrino de Alencar, SN – Tirol
Fone: 3201.3985


Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte

O Parque da Cidade Dom Nivaldo Monte projetado pelo arquiteto Oscar Niemayer com a colaboração de Ana Niemayer e Jair Varela, possui uma área de 136,54 hectares, que abrange os bairros de Pitimbú, Candelária e Cidade Nova, localizada na Zona de Proteção Ambiental 1 (ZPA1). Primeira Unidade de Conservação Ambiental Municipal, o Parque da Cidade do Natal Dom Nivaldo Monte, foi criado pelo do Decreto Municipal Nº 8.078, de 13 de dezembro de 2006 e ampliado pelo Decreto Nº 8.608 de 11 de dezembro de 2008. Inaugurado em 2008 e fechado em 2009, sendo reaberto em junho de 2014, depois de passar por uma recuperação das instalações elétricas, hidráulicas, tintura, elevadores da torre, sinalização e recuperação da estrutura.
A estrutura física inclui Memorial, localizado no alto da Torre em formato de olho, biblioteca, Escola de Educação Ambiental, cinco trilhas pavimentadas e quatro trilhas naturais. Possui dois acessos, um por Candelária e outro em Cidade Nova com guarita e estacionamento de veículos nas duas entradas.
A entrada leste fica na Avenida Omar O’Grady, Candelária e a oeste na Rua Santo Amaro em Cidade Nova.
Parque da Cidade em 360º


Bosque das Mangueiras

O Bosque das Mangueiras constitui-se em um espaço onde são desenvolvidas atividades de lazer e cultura para a comunidade. É um local onde acontecem shows culturais, recreação e práticas esportivas, encontros de grupos sociais, exposições botânicas, excursões e aulas práticas de escolas e universidades, dentre outras atividades. Este Bosque tem uma área de aproximadamente 16.270 m², localizada no bairro de Lagoa Nova, entre a Av. Nascimento de Castro, Jaguarari e Thertius Rebelo. Seu entorno imediato pode ser classificado como predominantemente residencial, apesar de existirem alguns equipamentos que fogem dessa classificação, como comércios e a Universidade Potiguar (UNP). Devido a esta característica, torna-se bastante frequentado pelos moradores das redondezas, que o utilizam, basicamente, para caminhadas, práticas esportivas e de lazer. Além de se constituir em um agradável espaço comunitário, o Bosque das Mangueiras é também local de conscientização e preservação ambiental dos biomas ali existentes: resquícios de mata atlântica, caatinga, tabuleiro costeiro e dunas, totalizando mais de 50 espécies, entre animais e plantas.
Av. Nascimento de Castro, S/N – Lagoa Nova
(84) 3232-8935
Fonte: Anuário Natal 2013








SEMPLA desenvolvimento. Seguimos as seguintes recomendações de projeto:
Produzido com tecnologias livres, socialmente justas para um desenvolvimento sustentável.